Ver todas noticias

Integração com o transporte fluvial

Ainda na cidade paulista de Ribeirão Preto, aproveitando a presença de Lula no lançamento do etanolduto, a Transpetro e o Estaleiro Rio Tietê assinaram o contrato para a construção de 80 barcaças e 20 empurradores que formarão comboios para o transporte de etanol pela Hidrovia Tietê-Paraná. Um novo estaleiro será construído em Araçatuba (SP). As barcaças e empurradores custarão US$ 239,1 milhões e começam a ser entregues a partir do último trimestre de 2011. A operação da frota está prevista para 2013, quando novos terminais serão instalados ao longo da hidrovia, até o ponto de coleta, em Anhembi (SP), de onde sairá um duto auxiliar até Paulínia. Cada comboio será formado de quatro barcaças e de um empurrador, com capacidade para transportar 7,6 milhões de litros. Quando totalmente operacional, o volume anual transportado deverá chegar a 4 bilhões de litros de etanol. "Esse conjunto de projetos assinado hoje é a viabilização e a sustentabilidade do transporte do etanol do País", disse Sergio Machado, presidente da Transpetro. (Agência Estado)-MDC

Site da Eclipse