Ver todas noticias

A liderança do Brasil em agroenergia

Hoje no mundo, 85% da energia consumida vem de fontes não-renováveis, aquelas que se encontram na natureza em quantidades limitadas e se extinguem com a sua utilização. Uma vez esgotadas, as reservas não podem ser regeneradas. Exemplo disso é o petróleo, o gás-natural e carvão. No Brasil, o cenário é diferente. Cerca de 48% do total de energia ofertada no país é obtida de fontes renováveis, como a biomassa, a energia hidroelétrica e os biocombustíveis. Essa posição coloca o Brasil na liderança mundial no setor de agroenergia, além da capacidade que o país tem para ampliar expressivamente a produção de insumos energéticos provenientes da biomassa, tanto por seu vasto território e recursos naturais quanto pela vocação agrícola e florestal. “Além disso, os avanços obtidos na substituição de combustíveis fósseis por biocombustíveis, como o etanol e o biodiesel, servem de modelo e inspiração para que outras nações sigam caminhos similares na utilização da agroenergia”, destaca o chefe-geral da Embrapa Agroenergia, Frederico Durães.-MDC

Site da Eclipse