Ver todas noticias

Nova empresa pretende ser referência mundial em energia sustentável

De acordo com Rubens Ometto Silveira Mello, presidente do conselho de administração da nova empresa, a fusão nasce da reunião de forças para tornar a marca uma referencia mundial em energia. "Formamos uma organização com números significativos e já iniciamos uma produção de liderança em energia sustentável", afirmou Ometto. "Nossa intenção é aumentar significativamente a exportação de etanol de cana de açúcar. Nossa é meta é dobrar a produção de etanol". As empresas haviam assinado em agosto de 2010 um acordo para unir as operações no ramo do combustível renovável. "Tenho certeza que essa associação vai ser melhor e maior do que todos esperam", disse Vasco Dias. "Estamos criando mais um líder global". Conforme o memorando assinado no ano passado, a joint venture inclui a transferência de todas as usinas de açúcar e etanol da maior produtora de açúcar e álcool do Brasil, incluindo cogeração de energia a partir do bagaço da cana e ativos de distribuição e comercialização de combustíveis. As dívidas da Cosan serão incorporadas à nova empresa que nasce com uma dívida de aproximadamente US$ 2 milhões. A Cosan continuará existindo no segmento da cana de açúcar. O nome da nova empresa, segundo Dias, é a união das palavras raiz e energia. A ideia é reforçar, através da marca, a identidade brasileira. Raízen é a união de "duas forças", a raíz, que extrai nutrientes necessários para o crescimento da planta, e a energia, necessária para todo movimento. (Portal Terra - Mônica Pestana)-MDC

Site da Eclipse